Research on Biomedical Engineering
http://rbejournal.org/doi/10.4322/rbeb.2012.080
Research on Biomedical Engineering
Original Article

Prótese para controle de fluxo esofagiano como nova técnica para o tratamento da obesidade

Prosthesis for flow control in the esophagus as a new technique for the treatment of obesity

Rodrigues, Suélia de Siqueira; Da Rocha, Adson Ferreira; Brasil, Lourdes Mattos; Oliveira, Edgard Costa; Paula, Patrícia Mendonça Carlos; Carvalho, José da Conceição

Downloads: 0
Views: 346

Resumo

O presente artigo apresenta uma invenção desenvolvida para auxílio à redução e ao controle da obesidade, embasado no controle do fluxo de alimentos no esôfago. Neste novo método proposto, um dispositivo colocado no esôfago diminui seu raio efetivo, reduzindo, por consequência, a velocidade e o fluxo com que o alimento pode ser consumido. A base do método é um dispositivo denominado módulo de látex, com formato aproximadamente cilíndrico, que é aplicado no esôfago. Este módulo contém um lúmen central, com diâmetro consideravelmente menor que o diâmetro do esôfago, que limita a passagem de alimento pelo órgão. Na concepção do método e do módulo, buscou- se realizar o controle de fluxo alimentar através do esôfago, sem causar agressões ao tecido, e sem comprometer a digestão e absorção dos alimentos. Desenvolvido a partir do látex natural, extraído da seringueira Hevea brasiliensis, tal módulo foi avaliado quanto a características construtivas e mecânicas, aplicabilidade, facilidade de remoção, eficácia na redução de fluxo, peso e danos ao esôfago. O módulo foi posicionado no esôfago por meio de vídeo-endoscopia em um cão piloto e manteve-se no local por sete dias, nos quais foi acompanhado por meio de radiografias sucessivas até a sua retirada, momento em que foi avaliada a integridade da mucosa esofágica. Os resultados apresentados demonstram que o método proposto é uma nova possibilidade de controle e redução da obesidade em pessoas e animais.

Palavras-chave

Látex, Obesidade, Controle de fluxo.

Abstract

This work introduces a device to aid in the treatment of obesity by controlling the flow of substances in the esophagus. In the method proposed, a device placed in the esophagus reduces its effective radius, thus reducing the flow and speed in which the food can be consumed. The basis of the method is a nearly cylindrical latex module, which is applied in the esophagus. The module’s central lumen diameter is considerably smaller than the diameter of the esophagus. This limits the rate of food passage through the esophagus. The device was designed in such a way that it could control the food flow through the esophagus without causing aggression to its internal tissue and without compromising the digestion and absorption of food. The device was built using natural latex from the rubber tree Hevea brasiliensis, and was evaluated according to its construction, mechanical properties, applicability, effectiveness in reducing food flow, weight, and damage to the esophagus. The module was placed in the esophagus by means of video-endoscopy and remained in place for seven days, wherein it was accompanied by successive radiographies until its withdrawal by video-endoscopy, when we were able to examine the integrity of the esophagus wall. The results presented in this paper show that the proposed method is a new possibility for the treatment of obesity in humans and animals.

Keywords

Latex, Obesity, Flow control.
5889fb5c5d01231a018b45cc rbeb Articles
Links & Downloads

Res. Biomed. Eng.

Share this page
Page Sections